GoBotMobile
top of page

Condomínios: Carregadores Individuais vs Compartilhados

Qual a melhor escolha para meu condomínio?

A revolução da mobilidade elétrica está transformando a maneira como pensamos sobre nossos meios de transporte, e os condomínios de apartamentos não estão imunes a essa mudança. Com a crescente adoção de veículos elétricos (VEs), muitos síndicos estão se perguntando como fornecer uma infraestrutura de carregamento eficaz para atender às necessidades dos moradores. Uma das decisões mais cruciais que enfrentam é se devem investir em carregadores individuais para cada vaga de estacionamento ou optar por carregadores compartilhados. Ambas as opções têm suas vantagens e desvantagens, e neste artigo, exploraremos em detalhes as diferenças entre essas abordagens, fornecendo a você as informações necessárias para tomar a melhor decisão para o seu condomínio.


Carregadores Compartilhados: Uma Solução Inicial Adequada


Caso o seu condomínio não possua vagas demarcadas ou realize sorteios de vagas dentro de uma certa frequência, os carregadores compartilhados podem ser uma solução inicial adequada. Eles evitam a necessidade de vincular os carregadores a vagas específicas, tornando-os disponíveis para uso geral. Em geral, os carregadores compartilhados são contratados pelo condomínio, e algum critério de rateio é usualmente definido para financiar essa aquisição. Ainda assim, com poucos carros no condomínio, pode ser uma solução com investimento inicial menor para atender a demanda inicial.

O grande desafio na solução dos carregadores compartilhados surge conforme o número de carros elétricos no condomínio aumenta. Gerenciar a disponibilidade dos carregadores compartilhados pode se tornar complicado. Disputas por tempo de carregamento podem surgir, levando a inconvenientes para os moradores. Em muitos casos, pode ser necessário impor limitações de uso, como tempo máximo de carregamento ou agendamentos, o que pode não ser conveniente para todos os moradores.


Carregadores Individuais: Conforto e Flexibilidade Total


No caso dos carregadores individuais, cada morador que opta por instalar um carregador é o único responsável por arcar com os custos de aquisição e instalação. Isso significa que quem não tem um carro elétrico não tem nenhum custo associado.

Além disso, ter um carregador individual proporciona total conforto e tranquilidade. Os moradores podem carregar seus veículos como e quando quiserem, sem preocupações com disponibilidade ou limitações de uso, gerenciando suas recargas de acordo com suas necessidades e rotinas.

A única desvantagem dos carregadores individuais é que dependendo da localização da sua vaga o custo inicial de instalação pode ser mais alto e como o morador arca com o mesmo, isto pode ser um empecilho.


Assim, a escolha entre carregadores individuais e compartilhados em condomínios depende das características específicas do seu prédio e das necessidades dos moradores. Os carregadores compartilhados são uma solução inicial adequada, especialmente se o condomínio não possui vagas demarcadas ou se realiza sorteios frequentes de vagas. No entanto, à medida que o número de carros elétricos no condomínio aumenta, a gestão da disponibilidade e os limites de uso podem se tornar desafios.


Por outro lado, os carregadores individuais oferecem conforto, tranquilidade e total flexibilidade para os moradores que desejam carregar seus veículos como e quando desejarem. Embora o custo inicial de instalação possa ser mais elevado. A decisão final deve ser baseada na avaliação das necessidades e na disposição dos moradores de investir nos carregadores individuais. É importante envolver os condôminos na discussão e buscar soluções que atendam às expectativas de todos, garantindo que a transição para a mobilidade elétrica seja eficiente e satisfatória para todos os envolvidos.


Agora, se você é síndico e quer conhecer uma terceira opção que trás consigo as vantagens tanto do carregador compartilhado quanto do individual, entre em contato conosco agora https://www.power2go.com.br/condominios-e-residencias .







97 visualizações0 comentário
bottom of page